COGUMELOS GRELHADOS COM MOLHO E BATATA DOCE – TODOS PARA A MESA

Nunca gostei tanto de fazer um todos para a mesa como este. Surgiram ideias atrás de ideias, como por exemplo sushi vegetariano que gosto tanto quando o Bu faz! Mas cogumelos são vida, principalmente grelhados tal como a beringela. Mas  o Todos Para A Mesa de hoje é um prato principal e os ingredientes principais escolhidos foram cogumelos, natas vegetais e algas.

Mais uma vez volto a frisar todas as receitas são vegetarianas, isto é, nada de origem animal. No blog da Sara têm uma particularidade, é sem glúten. Têm de ir ver a receita dela, porque o aspecto é maravilhoso! É uma pena estarmos longe, porque adorava experimentar (risos).

Vamos para a receita

Ingredientes

  • 2 Cogumelos Portobello
  • Algas qb
  • 3 Alhos grandes
  • Água, vinho, sal e azeite qb
  • 1 Pacote de Natas
  • Batatas Doce

Preparação

Comecei por lavar bem as batatas, coloquei no forno a 220º e aproximadamente uma hora e meia. Se for ventilado e pré aquecido demorará muito menos (nesse caso convém colocar apenas a 180º).
Num tacho coloquei um fio de azeite, sal e os alhos picados (utilizei a picadora), deixei alourar e coloquei as algas. Como eram desidratadas juntei água e vinho (mais água do que vinho) e fui mexendo durante 15 minutos em lume brando. Enquanto aguardava pelas algas coloquei os cogumelos na chapa a grelhar (não sei como vocês chamam, mas são aquelas frigideiras para grelhar). Fui virando os cogumelos até ficaram bem grelhados e esta parte está acabada.

Voltamos ao molho. Passados aqueles 15 minutos juntei meio pacote de natas e fui mexendo (com o lume brando à mesma) durante 5 minutos. Retirei do lume e piquei tudo na picadora até ficar com a consistência da foto. Se necessário podem colocar o resto das natas. “Empratei” o molho e os cogumelos deste género mas cada um pode fazer à sua maneira. No final quando as batatas estavam prontas foi só juntar ao prato e ficou assim.

O meu conselho é colocarem as batatas no forno meia hora antes de começarem a fazer, assim termina tudo ao mesmo tempo. Se quiserem que o processo das algas seja mais rápido convém demolhar antes.

Opinião final

Para mim esta receita foi muito fácil de fazer, a única parte “má” foram as algas porque é algo que não gosto. Contudo fiz a minha parte e no final a combinação ficou tão boa! Este prato pode ser utilizado como principal mas também como entradas por isso é um dois em um.

Não se esqueçam de visitar o blog da Sara e a receita que ela fez, porque mais uma vez o aspecto é maravilhoso. As votações para o próximo Todos Para A Mesa será no dia 1 de Junho para as sobremesas. Na última segunda feira de Junho o Todos Para A mesa voltará. Se fizerem as receitas utilizem #ByDezassete e #TodosPMesa.

Gostaram da receita? Acharam complicado?

Reader Interactions

Comments

  1. Andreia Morais says

    Confesso que não sou a maior apreciadora de cogumelos, mas fiquei cheia de vontade de experimentar. A minha mãe é que vai adorar a receita 🙂

    r: Concordo totalmente contigo, em relação aos dois assuntos!

    Beijinho grande

    • Daniela Santos says

      Ahaha a receita é tudo menos sofisticada :b nem todas as pessoas gostam do mesmo, e ainda bem ahaha

      Beijinhos <3

  2. Adriana Reis says

    Daamn, que perdição! Eu adoro cogumelos e batata doce por isso acho que era impossível não gostar! Algas não tanto, mas aí no meio acredito que esteja tudo muuito bom. Já fui espreitar a receita da Sara e também tem ótimo aspeto
    Beijinhos

    • Daniela Santos says

      Também não sou grande fã de algas, mas no meio nem se nota :b
      Fizeste muito bem 😀

      Beijinhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

↑ Top of Page
%d bloggers like this: